Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Conteúdo

 *As notícias divulgadas nesta página são de autoria e responsabilidade dos veículos de mídia citados como fonte, respeitados todos os direitos autorais a eles conferidos.

Antaq abre consulta pública para licitação de dois terminais no Porto de Suape

Postado 2018/08/07

Fonte: Portos e Navios

 

A Agência Nacional de Transportes Aquaviários – Antaq abriu nesta sexta-feira (03) consulta e audiência públicas visando a obtenção de subsídios para aprimoramento dos documentos técnicos e jurídicos relativos à realização dos certames licitatórios dos arrendamentos dos terminais denominados SUA-01 e SUA-05, destinados, respectivamente, à movimentação e armazenagem de veículos (cargas Ro-Ro) e contêineres, ambos localizados no porto organizado de Suape (PE).

O futuro arrendatário do terminal SUA-01 deverá investir R$ 7,589 milhões ao longo do período do contrato, que é de 15 anos. Já no SUA-05, os futuros arrendatários deverão investir R$ 1,2 bilhão ao longo dos 25 anos do contrato. A área deste último terminal é de 268.967m² (greenfield).

 

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Associações divergem sobre regulação de armadores estrangeiros

Postado 2018/07/11

Fonte: Portos e Navios

 

Importadores e exportadores do Rio de Janeiro manifestaram apoio à Confederação Nacional da Indústria (CNI), que publicou documento apontando a necessidade de redução do poder de mercado dos armadores estrangeiros no setor aquaviário brasileiro por meio de mais fiscalização do regulador. O grupo é representado pela Associação dos Usuários dos Portos do Rio de Janeiro (Usuport-RJ) que encaminhou, na última terça-feira (3), uma carta com considerações sobre o tema à presidência da CNI. No final de junho, representantes dos armadores estrangeiros haviam questionado esse mesmo estudo e fizeram ponderações à confederação sobre falta de fundamentação técnica.

Os usuários entendem que a representatividade da CNI no debate sobre a regulação dos armadores estrangeiros é benéfica ao setor e ao comércio exterior brasileiro. “A concentração de mercado, com consórcios entre armadores restringindo cada vez mais as opções dos usuários, é algo extremamente preocupante”, destacou na carta o presidente da Usuport-RJ, André de Seixas. A associação alega que os usuários devem cobrar regulação técnica e eficiente para evitar ter que pagar cada vez mais encargos. A entidade defende que os armadores estrangeiros precisam de registro na Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

O Centro Nacional de Navegação (Centronave) manifestou “estranhamento” à recente reportagem do Jornal Valor Econômico sobre o estudo da CNI. Por carta, o Centronave considerou que houve “generalização superficial” e “sem sustentação técnica” quando mencionado que a movimentação de contêineres estaria sendo excessivamente onerosa para os exportadores em razão da alta concentração de mercado entre os armadores. O presidente do conselho de administração do Centronave, Julian Thomas, destacou no ofício que os fretes no transporte marítimo global têm estado abaixo dos que eram praticados há mais de uma década, em alguns casos mais de 50%.

 

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Controle de Tráfego Marítimo de Vitória é integrado ao Porto Sem Papel

Postado 2018/05/07

Fonte: Portos e Navios

 

Mais uma vez o Porto de Vitória avança na tecnologia e modernização. O Sistema de Informação e Gerenciamento de Tráfego de embarcações de Vitória (VTMIS) é o primeiro do Brasil a se integrar ao Projeto Porto Sem Papel (PSP), do Ministério dos Transportes. O PSP é um sistema de informação que elimina formulários em papel, proporcionando um único documento eletrônico (DUV) em tempo real.

Com a integração do VTMIS ao PSP, a programação de atracação e desatracação facilita o gerenciamento de movimentação das embarcações dentro da área de responsabilidade da Codesa. Ainda agiliza a operação e melhora a produtividade.

O coordenador do VTS e controlador responsável pelo sistema do Porto de Vitória, Agostinho Sobral, destaca a importância dessa integração: "Com esse passo, a eficiência e a produtividade no Porto de Vitória serão bem maiores. Estamos felizes com mais este avanço". 

Leia a matéria completa neste link

Leia o resto desta entrada »

Antaq reúne-se com CNI e entidades setoriais para discutir temas afetos ao comércio exterior nos portos

Postado 2018/05/02

Fonte: Portos e Navios

 

Em reunião da Diretoria Colegiada do dia 19/04, a Agência Nacional de Transportes Aquaviários – Antaq decidiu por promover audiência e consulta públicas dadas ás divergências e antagonismos marcados em todas as manifestações dos agentes do setor sobre o escaneamento de contêineres.

Na primeira quinzena de abril, dando continuidade aos trabalhos da Agenda Positiva, a Antaq se reuniu com representantes da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e de entidades empresariais, para discutir temas normativos e operacionais afetos ao comércio exterior em portos brasileiros.

Dentre os principais pontos debatidos, merece destaque a cobrança da inspeção não invasiva (escaneamento) de contêineres por concessionários em portos brasileiros.

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Posidonia nega vínculo com servidores e ex-servidores da Antaq

Postado 2018/04/27

Fonte: Portos e Navios

 

A Posidonia Shipping negou qualquer vínculo da companhia com servidores ou ex-servidores da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). Em nota, a empresa de navegação carioca repudiou o uso do nome da empresa no posicionamento da Associação Nacional dos Servidores Efetivos das Agências Reguladoras Federais (ANER) e considerou que este teve “fins duvidosos”. 

Em carta encaminhada aos senadores nesta semana, a associação se manifestou contra a volta do ex-diretor geral à Antaq e apontou que Tokarski estaria tentando beneficiar as empresas Posidonia e Zemax Log, que denunciaram um suposto esquema dentro da agência que, na prática, protegeria empresas de cabotagem concorrentes delas. A ANER apontou que o ex-diretor nomeou como sua assessora direta Auxiliadora Borges do Rego que, até março deste ano, assumiu na Antaq o cargo de gerente de autorização de navegação. De acordo com a carta, Auxiliadora está em quarentena e apresenta-se na Antaq como consultora das empresas de afretamento Zemax Log e Posidonia.

Entre os que defendem a volta de Tokarski, o entendimento é que existe uma relação de proximidade e amizade entre o presidente da ANER, Tiago Botelho, e o atual diretor geral Mário Povia. “Foi um arranjo para constranger a entrada do Adalberto Tokarski na sabatina. Estão instrumentalizando as instituições e aparelhando a Antaq”, comentou uma fonte que prefere não ser identificada. Dentro da agência, porém, também há aqueles que acreditam que será possível encontrar um equilíbrio e apaziguar a relação entre os que são contrários e a favor da volta do ex-diretor geral.

Leia a matéria completa neste link.  

Leia o resto desta entrada »

Com investimento de R$ 590 milhões, porto em Aracruz vai gerar mais de mil empregos

Postado 2018/04/20

Fonte: Portos e Navios

 

Mais de mil empregos em um porto de Aracruz. Esta é a quantidade de vagas que a Imetame Logística Porto vai fornecer ao Espírito Santo. Na fase de implantação serão gerados 350 empregos diretos, com pico de 650. Já durante a operação, a previsão é de sejam gerados 640 empregos diretos, com pico de 1.100.

Na manhã desta quinta-feira (19), o governador Paulo Hartung assinou a nova licença de instalação, que foi expedida devido a uma alteração do projeto do terminal industrial, realizado pela empresa. O Porto tem apoio do Governo do Estado por meio do programa de incentivo ao desenvolvimento Invest-ES. O investimento inicial é de aproximadamente R$ 590 milhões.

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Custos com combustíveis marítimos dispararão 25% a partir de 2020

Postado 2018/04/14

Fonte: Portos e Navios

 

De acordo com a mais recente análise da consultora Wood Mackenzie, os custos das transportadoras marítimas com os combustíveis dispararão exponencialmente a partir de 2020 (cerca de mais 25%), ano em que estão previstos novos limites máximos relativos à emissão de gases poluentes por parte das embarcações. Estima-se que essa subida seja na ordem dos 24 mil milhões de dólares.

Custos adicionais com combustíveis poderão disparar a partir de 2020.

Segundo explica o estudo da firma de Edimburgo, os custos com os combustíveis subirão acentuadamente devido às novas regulamentações (principalmente a que se prende com o limite de 0,5% na emissão de NOx) impostas pela Organização Marítima Internacional (IMO). Os navios que instalarem scrubbers poderão continuar recorrer ao tradicional combustível, mas a grande maioria, aponta, não instalará atempadamente a tecnologia, de modo a respeitar os limites de 2020.

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Início das Operações da Ocean Network Express

Postado 2018/04/03

Fonte: Portos e Navios

 

A Ocean Network Express Pte. Ltd. (ONE) comunica o início de suas operações no transporte marítimo global de carga em contêineres em 1º de abril.

A ONE é o resultado da integração das operações de transporte de carga em contêineres dos três armadores japoneses: Kawasaki Kisen Kaisha, Ltd (“K” Line), Mitsui O.S.K. Lines Ltd (MOL) e a Nippon Yusen Kabushiki Kaisha (NYK). A nova empresa busca atender às necessidade dos clientes com a prestação de serviços competitivos e de alta qualidade, através da consolidação e aprimoramento das estruturas de serviços de cobertura global outrora oferecida pelas três empresas.

A integração ainda possibilita que a ONE incorpore as melhores práticas das três companhias, além da vantagem de ter uma frota combinada com um total de 1.440.000 TEU. Por meio de uma organização mundial de alto nível, globalmente conectada, a ONE oferece 85 serviços e uma rede capaz de interligar mais de 200 dos maiores portos em todo mundo.

Leia a matéria completa neste link.

 

Leia o resto desta entrada »

Novas prioridades representam menos de 5% do total concedido pelo FMM na última reunião

Postado 2018/04/02

Fonte: Portos e Navios

 

As novas prioridades aprovadas na 37ª reunião ordinária do Conselho Diretor do Fundo da Marinha Mercante (CDFMM), realizada no último dia 22 de março, somam R$ 242,4 milhões. O valor representa menos de 5% do montante de R$ 4,95 bilhões destinados ao financiamento de projetos da construção naval. De acordo com o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPA), os demais R$ 4,7 bilhões são referentes a suplementações de recursos aprovados em reuniões anteriores.
Entre as novidades, a Dock Brasil recebeu prioridade de R$ 178 milhões para construção de um estaleiro de reparos no município de São Gonçalo (RJ). A Baru Offshore obteve prioridade para construção dois rebocadores azimutais, no valor total de R$ 53,2 milhões, a serem construídos no estaleiro ETP (RJ). Já a Norskan Offshore conseguiu prioridade de R$ 11,2 milhões para  modernização dos AHTS (manuseio de âncoras) Skandi Angra e Skandi Paraty, com objetivo de possibilitar operação com ROV, veículo subaquático controlado remotamente. A validade dessas três prioridades é de 450 dias.

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »

Projeto que proíbe embarque de cargas vivas no Porto de Santos é aprovado e segue para sanção

Postado 2018/03/28

Fonte: Portos e Navios

 

O projeto de lei que proíbe o embarque e exportação de cargas vivas pelo Porto de Santos, no litoral de São Paulo, foi aprovado em segunda discussão durante a sessão na Câmara Municipal nesta segunda-feira (26). Após a primeira dicussão, foram adicionadas cinco emendas ao projeto de lei complementar.

O projeto é do vereador Benedito Furtado (PSB), que também é presidente da Frente Parlamentar Regional do Bem Estar Animal. De acordo com ele, após a discussão da Câmara, realizada na última sexta-feira (23), alguns vereadores e a própria população solicitaram que ele fizesse alguns ajustes para atender as demandas da cidade.

Leia a matéria completa neste link.

Leia o resto desta entrada »